quinta-feira, 25 de junho de 2009

Resumo dos capítulos do Srimad Bhagavad-Gita por SS BV Narayana Maharaj



Capítulo um – SAINYA DARŚANA
Observando os Exércitos.

O Bhagavad-Gītā é composto de dezoito capítulos, cada capítulo culmina na mensagem de bhakti. Arjuna atuou no campo de batalha como se estivesse imerso na lamentação. Então KRSNA Explicou que a atma-dharma da jiva não tem relação com o dharma do corpo, dinastia e casta. Contudo, aqueles que se identificam erroneamente com o corpo como se fosse o verdadeiro EU não podem compreender isto. Enquanto a jiva permanecer atada em maya, identificando erroneamente que o seu corpo é o seu real ser, ela é forçada a padecer as misérias da lamentação, desilusão, medo e assim por diante. Portanto, é indispensável que aceite o refúgio de um tattva-vit guru.


Capítulo dois – SANKHYA YOGA.
YOGA através da analise.

A jiva percebe sua ignorância quando aceita o refúgio de um sad-guru. Então ela tenta se libertar das armadilhas ilusórias de maya pelo abandono de seus pensamentos independentes e respeitando as instruções de Śri Gurudeva. O sad-guru está livre dos quatro defeitos – a ilusão, a propensão de cometer erros, os sentidos imperfeitos e a tendência ao engano – por que é uma tattva-darsi ekantika prema-bhakta. Quando o sadhaka escuta as instruções provenientes da boca de lótus de seu misericordioso Śri Gurudeva ele passa a entender a diferença entre atma e corpo material. Também compreende os efeitos perniciosos do desfrute sensual e desenvolve apego por escutar sobre os pensamentos, características e glorias dos sthita-prajna munis. Então, pela influencia de sadhu-sanga, desperta em seu coração a consciência e a necessidade de obter tattva-jnana.


Capitulo três – KARMA YOGA.
YOGA através da ação.

Quando a jiva escuta as instruções de Śri Krsna, ela compreende que karma-yoga consiste dos esforços executados sem desejos egoístas (niskama-bhava) no serviço à Śri Bhagavan. Quando uma pessoa aceita a vestimenta de sannyasi, mas seu coração ainda está repleto de desejos por gratificação dos sentidos, então não é um verdadeiro sannyasi, mas um hipócrita, e nunca poderá obter auspiciosidade. A jiva deve executar seu karma como um serviço à Bhagavan porque a realização de karma para o desfrute sensual não produz nenhum resultado favorável. A execução de karma, tal como os yajnas védicos, pode outorgar prazer mundano, mas esse prazer é temporal e está mesclado com infelicidade. Contudo, karma-yoga purifica o coração. Portanto é favorável abandonar todos os tipos de akarma, vikarma e sakama karma (karma oferecido, desejando resultados materiais) e adotar unicamente o niskama-karma yoga oferecido à Bhagavan.


Capítulo quatro – JNANA YOGA.
YOGA através do conhecimento transcendental.

O capítulo quatro começa com instruções acerca de jnana yoga. Primeiro explica que uma pessoa só pode obter tattva-jnana genuíno através da misericórdia de Śri Gurudeva, que é um tattva-darsi. Esta misericórdia se manifesta através do processo de escutar de uma fidedigna sucessão discipular (srauta parampara) não se pode obter Bhagavat-tattva-jnana mediante o aprendizado mundano, a inteligência e o conhecimento. Também é explicado neste capítulo que em cada yuga aparece um avatara de Bhagavan. O nascimento e as atividades de Bhagavan são divinos (aprakrta), é loucura e ofensivo considerá-los mundanos (prakrta). Uma pessoa obtém tattva-jnana na associação de um tattva-darsi Guru, escutando gradualmente dele acerca das características únicas de jnana e sua superioridade em relação a karma-yoga. Ela poderá facilmente cruzar o oceano de nascimento e morte ao refugiar-se no verdadeiro tattva-jnana. o sadhaka não pode progredir se duvida disto. Se nele falta tattva-jnana, ele cairá e desviará do caminho e tornará a se enredar no ciclo do karma.


Capítulo cinco – KARMA-SANNYASA YOGA
YOGA através da renuncia da ação.

Quando o sadhaka alcança tattva-jnana, ele torna-se qualificado para karma-sannyasa yoga. Nesse momento compreende que a verdadeira sannyasa significa abandonar o apego pela ação e seus frutos. Para alguém cujo coração ainda está impuro, é benéfico e apropriado adotar karma yoga sem apegar-se ao processo e seus frutos, em vez de renunciar ao karma completamente. Niskama karma yoga oferecido a Bhagavan concede a qualificação (adhikara) para obter a natureza de brahma ou brahmapada; e aqueles que conhecem brahma alcança santi (paz).


Capítulo seis - DHYANA YOGA.
YOGA através da meditação.

Das instruções do tattva-vid Guru o sadhaka compreende que só pode meditar em Bhagavan quando o coração está purificado. Um yogi ou sannyasi genuíno está livre de todo o tipo de desejos materiais, porque ninguém pode alcançar a perfeição na yoga enquanto possuir desejos por desfrute material. A pessoa que deseja alcançar a perfeição na yoga deve se regular na alimentação e diversão. Esta perfeição significa: 1) enxergar Bhagavan como Antaryami no coração de todas as entidades vivas, e 2) compreender que todas as jivas existem somente devido os sustento e refugio de Bhagavan. Este capítulo também declara que um bhakta é superior a um karmi, a um jnani ou a um yogi.


Capítulo sete – VIJNANA YOGA.
YOGA através da realização do conhecimento transcendental

O estudo constante destas instruções conduz a firme compreensão que somente Bhagavan Śri Krsna é o limite último do Para-Tattva, a suprema realidade absoluta e que não há outro Parama-Tattva além Dele. E que somente pela rendição exclusiva a Seus pés de lótus pode alguém se torna livre do cativeiro de maya. Existem quatro tipos de pessoas que não tem qualificação para ocupar-se em Bhagavad-bhajana por executar atividades ímpias: os tolos, o mais baixo da espécie humana, aqueles cuja natureza é asurica (demoníaca) e aqueles cuja sabedoria está encoberta por maya. Em contra posição, há quatro classes de pessoas dotadas com sukrti e que, portanto podem ocupar-se em Bhagavad–bhajana: os aflitos, os que buscam riquezas, os inquisitivos e os jnanis. Os bhaktas de Bhagavan são muito raros neste mundo. Não se pode obter beneficio eterno mediante a adoração de vários devas e devis.


Capítulo oito - TAKARA BRAHMA YOGA
YOGA com PARAM BRAHMA

Somente os ekantikas bhaktas de Śri Krsna podem conhecer os tattva, tais como brahma-tattva, karma-tattva, adhibhuta-tattva, etc.Os ekantikas bhaktas podem facilmente alcançar Krsna (Gita 8.14). Os bhaktas de Śri Bhagavan não tornarão mais a nascer (Gita 8.16). Somente por ananya bhakti pode-se alcançar Bhagavan (Gita 8.22).


Capítulo nove – RAJA GUHYA YOGA
YOGA através do conhecimento mais confidencial.

Raja vidya ou raja guhya refere-se unicamente a suddha-bhakti. a prakrit (natureza material) não é a causa original da criação cósmica, pois é somente pela inspiração de Bhagavan que ela (prakrit) obtém a potência para criar. É loucura e ofensivo pensar que Bhagavan Śri Krsna é um ser humano ou que seu corpo sac-cid-ananda é feito dos cinco elementos materiais como o corpo de uma alma condicionada ordinária (baddha-jiva). os genuínos mahatmas se dedicam no bhajana de Śri Krsna com humor devocional exclusivo (ananya bhakti) e Śri Krsna atende suas necessidades pessoalmente (yoga ksema) a dedicação ao bhajana dos diversos devadatas é contraria as regras prescritas, pois Krsna é o único desfrutador e senhor de todos os yajnas. Śri Bhagavan aceita tudo que seus suddha-bhaktas lhe oferecem com amor. No último sloka deste capítulo (man mana bhava mad-bhaktah), conclui que bhakti é o único meio de se alcançar Śri Bhagavan.


Capítulo dez – VIBHUTI YOGA.
YOGA através da apreciação das opulências de ŚRI BHAGAVAN.

Pelo o estudo sincero e constante deste capítulo, uma pessoa poderá compreender que Krsna é a fonte de toda a vibhuti (opulência) e saktis (energia), e que o universo material inteiro com todas as suas opulências é somente uma quarta parte de sua majestade. E quando ela obtém conhecimento sobre vibhuti, ela facilmente compreende que tudo é direta ou indiretamente relacionado com Bhagavan. Bhagavan concede buddhi-yoga a seus bhaktas para que eles possam obter tattva-jnana. Dessa forma sua ignorância é destruída e elas ocupam-se em bhajana com amor (priti).


Capítulo onze – VISVARUPA DARSANA YOGA.
YOGA através da contemplação da forma universal do Senhor.

Este capítulo revela que a visvarupa de Bhagavan é ilusória. Sua visvarupa (forma) é aprakrta nara-vapu, ou seja, transcendental e similar à forma humana. Somente os bhaktas cujos olhos foram untados com prema podem ter darsana de sua forma rasika sekara. Somente por ananya bhakti – yoga se alcança Bhagavan.


Capítulo doze – BHAKTI YOGA.
YOGA através do serviço devocional puro.

Esse capítulo explica que Svayam Bhagavan Śri Krsna é a Realidade Suprema e o Mais Elevado Objeto de exclusiva adoração da jiva. Os bhaktas dotados com ekantika bhakti são muito queridos por Ele e podem alcançar facilmente Bhagavan através de suddha bhakti, mas os nirvisesa brahmavadis só recebem misérias.


Capítulo treze – PRAKTI-PURUSA-VIBHAGA YOGA
YOGA através da compreensão da diferença entre natureza material e o desfrutador.

Este capítulo oferece uma profunda compreensão da natureza material e da entidade viva consciente (purusa). Através desta discussão Bhagavan concede tattva-jnana à seus bhaktas rendidos e os liberta do oceano que é o mundo material. Quando suddha-bhakti surge no coração, o resultado secundário é o aparecimento natural de jnana e vairagya. Portanto, com o propósito de reforçar e a firmar a compreensão de bhakti-tattva é necessário discutir acerca de jnana e vijnana. Quando o bhakta alcança tattva-jnana, ele se torna qualificado para obter prema-bhakti.


Capítulo quatorze – GUNA-TRAYA-VIBHAGA YOGA.
YOGA da compreensão dos três modos da natureza material.

Um estudo analítico deste capítulo conduz a compreensão que este mundo material se desenvolve simplesmente pela ação e interação das três gunas materiais: sattva, rajas e tamas. Os sadhakas que praticam bhakti yoga podem facilmente cruzar sobre estas três gunas e finalmente se torna qualificado para alcançar Bhagavan.


Capítulo quinze – PURUSOTTAMA YOGA.
YOGA através da compreensão da Pessoa Suprema.

Este mundo material se estende desde os sistemas planetários inferiores até os superiores e as jivas são partes separadas ou amsas de Śri Bhagavan. Quem se opõe a Bhagavan são atados por seu karma e vagam em diversas espécies de vida, inferiores e superiores. Contudo, uma pessoa deve, devido a boa fortuna, alcançar a misericórdia de um sad-Guru e comprometer- se, com todo o respeito, no bhajana de Śri Krsna, sabendo que só Ele é Purusottama. A absorção dos bhaktas na execução de Seu bhajana os faz conscientes de tudo e então eles podem facilmente cruzar alem do oceano deste mundo material.


Capítulo dezesseis – DAIVASURA SAMPADA YOGA.
YOGA do discernimento das qualidades divinas e demoníacas.

Este capítulo explica as naturezas daivicas e asuúicas. A jiva confundida pela maya de Bhagavan é controlada pela qualidade divina ou pela qualidade demoníaca. Quando ela toma refugio da natureza daivica fica inclinada a Bhagavat-tattva-bhajana. Contudo, aqueles que adotam a natureza asúrica se opõem a Bhagavan e com o resultado vão para o inferno. Aqueles que possuem a natureza asúrica pregam a filosofia mayavada. Portanto, é necessário libertar-se desta tendência asúrica. Isto pode ser alcançado executando Bhagavat-tattva-bhajana com fé e em associação com suddha-bhaktas.


Capítulo dezessete – SRADDHA-TRAYA-VIBHAGA YOGA.
YOGA através do discernimento dos três tipos de fé.

Este capítulo explica os três tipos de sraddha (fé). Uma pessoa desenvolve sraddha naquilo que é sattva, rajas ou tamas de acordo com sua associação e a natureza com que adquiriu com suas samskaras (impressões) anteriores. A nirguna sraddha aparece no coração da jiva quando está em associação com suddha-bhaktas de Hari. Ela pode então realizar bhajana de Śri Hari que é nirguna. Estes bhaktas são verdadeiros sadhus.


Capítulo dezoito – MOKSA YOGA.
YOGA da liberação.

Este capítulo explica a essência de todo o Gita. Primeiro Śri Krsna é identificado como mais elevado Bhagavat-tattva, então a instrução mais confidencial é dada. Aqui explica- se que uma pessoa pode alcançar rasamayi seva à Krsna na sua suprema dhama(morada) através da seguinte seqüência:
i)Rendendo-se a ele,
ii)Praticando os nove ramos de bhakti (navadha bhakti), e
iii)Aceitando refugio em bhava-bhakti.

Jaya Srila Gurudeva .

Nenhum comentário:

Postar um comentário

The Disciplic Succession
of the
Brahma Madhva Gaudiya Vaisnava Sampradaya


LORD KRISHNA

evam uktva tato rajan maha-yogesvaro harih
darsayamasa parthaya paramam rupam aisvaram

aneka-vaktra-nayanam anekadbhuta-darsanam

aneka-divyabharanam divyanekodyatayudham

divya-malyambara-dharam divya-gandhanulepanam

sarvascaryamayam devam anantam visvato-mukham
The Supreme Lord Krishna exhibited His omnipotent and almighty universal form of innumerable faces and eyes, revealing innumerable miraculous wonders, decorated with innumerable, dazzling ornaments, armed with innumerable gleaming weapons, magnificently attired and resplendently garlanded, annointed with equisite, celestial fragrances; phenomenally astounding, unlimited, effulgent and all pervading.
Bhagavad-Gita, chapter 11, verses 9,10,11
isvarah paramah krishna sac-cid-ananda vigrahah
anadir adir govindah sarva karana karanam

Lord Krishna is the supreme absolute controller, whose form is pure immortality, omniscience and bliss. He is without beginning, the origin of all, the cause of all causes and the source of the eternal Vedas.

Brahma Samhita, Chapter 5, Verse 1


ete camsa-kalah pumsah krishnas tu bhagavan svayam
indras vyakulam lokam mrdayanti yuge yuge
All the incarnations are plenary portions or explansions of plenary expansions appearing in various universes to protect the theists; but Lord Krishna is the original Supreme Lord and the source of all.
Srimad Bhagavatam, Canto 1, chapter 3,verse 28


sarvasya caham hrdi sannivistho mattah smrtir jnanam apohanam ca
vedais ca sarvair aham eva vedyo vedanta-krd veda-vid eva caham
Lord Krishna said I am situated as the soul within the heart of all beings, remembrance and forgetfulness comes from me. I can be known by the knowledge of the Vedas. I am the original creator of the Vedic scriptures and a knower of the Vedas.
Bhagavad-Gita, chapter 15, verse 15


Factually all the Vedic scriptures unamimously are the establisher of Lord Krishna as the Supreme Lord of all; but the unique speciality of the Bhagavad-Gita is that the Supreme Lord Krishna is directly speaking this divine revelation Himself.


bhaktya tu ananyaya sakya aham evam-vidho r'juna
jnatum drastum ca tattvena pravestum ca parantapa
Lord Krishna said only by unalloyed devotional service can I be understood as I am and can be seen directly. Only in this way can one enter into the mystery of my understanding.
Bhagavad-Gita, chapter 11, verse, 54


The relationship between the Supreme Lord Krishna and the Bhagavad-Gita is that Lord Krishna is the established and the Bhagavad-Gita is the establisher. The subject matter of the Bhagavad-Gita categorically and scientifically in a complete and comprehensive way establishes the eternal reality of Lord Krishnas as the supreme ultimate truth. The accomplished objective of Bhagavad-Gita confirms that the highest goal in all of existence is to surrender fully unto Lord Krishna and by the cessation of ignorance and all other obstacles in the material worlds become liberated by loving devotion in this very life and join Him in His transcendental and blissful pastimes eternally.
krsnam enam avehi tvam atmanam akhilatmanam
jagad-dhitaya so'py atra dehivabhati mayaya
Understand that the Supreme Lord Krishna is the original soul of all living entities. For the benefit of the whole universe He has out of His causeless mercy manifested Himself appearing as a human being. He has manifested this by the power of His internal potency.
Srimad Bhagavatam, Canto 10, chapter 14, verse 55


Brahma

brahmovaca
tad astu me natha sa bhuri-bhago
bhave'tra vanyatra tu va tirascam
yenaham eko'pi bhavaj-jananam
bhutva niseve tava pada-pallavam
Lord Brahma said: My dear Lord Krishna, I pray to be so fortunate that in this life or in another life, wherever I may take birth even if it is in the animal species that I may be your devotee and engage myself in your devotional service.
Srimad Bhagavatam, Canto 10, chapter 14, verse 30

Narada Muni

tubyam ca narada bhrsam bhagavan vivrddha
bhavena sadhu paritusta uvaca yogam
jnanam ca bhagavatam atma-satattva-dipam
yad vasudeva-sarana vidur anjasaiva
O' Narada being very satisfied by your goodness and service you were taught the ultimate science of transcendental devotion to the Supreme Lord fully illuminating the truth of the soul which is perfectly known by souls surrendered to Lord Krishna.
Srimad Bhagavatam, Canto 2, chapter 7, verse 9

Krishna Dvaipayana Vyasa

kalena milita-dhyam avamrsya nrnam
stokayasam sva-nigamo bata dura-parah
avirhitas tu anuyugam sa hi satyavatyam
veda-drumam vita-paso vibhajisyati sma
In course of time Vyasa bearing in mind the intelligence and short life span of humanity at large considered his compilation of the Vedas to be too difficult, so he divided the Vedic knowledge into different branches.
Srimad Bhagavatam, Canto 2, chapter 7, verse 36

Madhvacarya

visnuswami vamanangsastatha madhvastu brahmanah
ramanujastu sesangsa nimbaditya sanakasya ca
Visnuswami, Madhvacarya, Ramanuja and Nimbaditya will appear respectively as a portion of Vamana, Brahma, Ananta Sesha and Sanaka Kumara.
Garga Samhita, Canto 10, chapter 61, verse 24

It is verified in Garga Samhita:

vamanas vidih sesah sanako visnu vakyatah
dharmartha hetave caite bhavisyanti dvijah kalau
Vamana, Brahma, Ananta Sesha and Sanaka Kumara will appear as brahmanas by the order of Visnu, for the preservation of eternal righteousness in kali yuga.
visnuswami vamanangsastatha madhvastu brahmanah
ramanujastu sesangsa nimbaditya sanakasya ca
Visnuswami, Madhvacarya, Ramanuja and Nimbaditya will appear respectively as a portion of Vamana, Brahma, Ananta Sesha and Sanaka Kumara.
ete kalau yuge bhavyah sampradaya pravartakah
samvatsare vikrama catvarah ksiti pavanah
These four saviours will be the establishers of the four authorised and empowered spiritual channels of disciplic succession in the period calculated from the reign of King Vikrama in 54 B.C. subsequently through the 432,000 year cycle of kali yuga.
sampradaya vihina ye mantraste nisphalah smritah
tasmacca gamanang hyasti sampradaya narairapi
These four authorised and empowered spiritual channels of disciplic succession are to be fully accepted by all beings; as any word, combination of words or formulation of sound frequencies, invoked or addressed, audible or inaudible, secret or revealed, ancient or contemporary outside their auspices prove to have absolutely no efficacy.

Garga Samhita, Canto 10, chapter 61, verses 23, 24, 25, 26

Visnuswami
Rudra Vaisnava Sampradaya

Madhvacarya
Brahma Vaisnava Sampradaya
Ramanuja
Sri Vaisnava Sampradaya
Nimbaditya
Kumara Vaisnava Sampradaya

Brahma Madhva Gaudiya Vaisnava Sampradaya

LORD KRISHNA
Brahma
Narada Muni
Krishna Dvaipayana Vyasa
Madhvacarya
Padmanabha
Narahari
Madhava
Aksobhya
Jayatirtha
Jnanasindhu
Dayanidhi
Vidyanidhi
Rajendra
Jayadharma
Purusottama
Brahmanyatirtha
Vyasatirtha
Laksmipati
Nityananda Prabhu, Madhavendra Puri
Advaita Acarya, Isvara Puri
SRI KRISHNA CAITANYA MAHAPRABHU
Svarupa Damodara, Sanatana Goswami
Rupa Goswami
Jiva Goswami, Ragunatha Goswami
Krishna das Kaviraj
Narottama
Visvanatha Cakravarti
Baladeva Vidyabhusana
Uddharan Dasa
Madhusudana Dasa
Jagannatha das Babaji
Bhaktivinode Thakura
Gaura Kishore das Babaji
Bhakti Siddhanta Saraswati Prabhupada
Bhakti Prajnana Keshava, Bhaktivedanta Swami
Bhaktivedanta Vamana, Bhaktivedanta Narayana

Srila Jagannatha das Babaji

gauravirbhava-bhumes tvam nirdesta saj-jana-priyah
vaisnava-sarvabhaumah sri jagannathaya te namah
I offer my humble obeisance to Srila Jagannatha das Babaji, chief among the Vaisnavas and dear to saintly souls and who confirmed the appearance place of Sri Krishna Caitanya Mahaprabhu.

Srila Bhaktivinode Thakura

namo bhakti vinodaya sac-cid-ananda-namine
gaura-sakti-svarupaya rupanuga-varaya te
I offer my humble obeisance to Srila Saccidananda Bhaktivinode Thakura, who is the personified energy of Sri Krishna Caitanya Mahaprabhu and who follows the rupanuga path of Rupa Goswami.

Srila Gaura Kishore das Babaji

namo-gaura-kishoraya saksad-vairagya-murtaye
vipralambha-rasanbhode padambujaya te namah
I offer my humble obeisance to Srila Gaura Kishora das Babaji, who is the personification of renunciation immersed in the ocean of seperation from Lord Krishna.

Srila Bhakti Siddhanta Saraswati Prabhupada

namah om visnupadaya krishna prestaya bhutale
srimate bhakti siddhanta-saraswati iti namine
I offer my humble obeisance unto Srila Bhakti Siddhanta Saraswati Prabhupada, who is very dear to Lord Krishna in this world having taken shelter of the Lords lotus feet.

Srila Bhakti Prajnana Keshava Goswami Maharaj

namah om visnupadaya acarya-simha rupine
sri srimad bhakti prajnan keshava iti namine
I offer my humble obeisance unto Srila Bhakti Prajnan Keshava, the lion-like acarya who never fears having taken shelter of Lord Krishna.

Srila Bhaktivedanta Vamana Maharaj

namah om visnupadaya caitanya prestaya bhutale
acarya murta vigrahaya vaman goswami iti namine
I offer my humble obeisance unto Srila Bhaktivedanta Vaman Goswami Maharaja, the acarya who is like the deity personified and who is very dear to Sri Krishna Caitanya Mahaprabhu in this world.

Srila Bhaktivedanta Narayana Maharaj

Bhakti Master

Srila Bhakti Prajnana Kesava Gosvami Maharaja

Srila A.C. Bhaktivedanta Swami Prabhupada
©Bhaktivedanta Book Trust

srila_bv_narayana.jpg

Srila Bhakti Prajnana Kesava Gosvami Maharaja Srila A.C. Bhaktivedanta Swami PrabhupadaSrila Bhaktivedanta Narayana Gosvami Maharaja

divider.png
Lord Sri Krishna
Sri Krsna
©Bhaktivedanta Book Trust
Read more...
Lord Brahma
Sri Brahma
©Bhaktivedanta Book Trust
Read more...
Sri Narada Muni
Sri Narada Muni
©Bhaktivedanta Book Trust
Read more...
Srila Vyasa
Sri Vyasa
©Syamarani dasi
Read more...
Sri Madhva
Sri Madhva
Read more...
Madhva to Madhavenda Puri
Image
Madhavendra Puri
Sri Madhavendra Puripada
Read more...
Isvara Puri
Golden Tilak
Read more...
Sri Caitanya Mahaprabhu
Sri Caitanya Mahaprabhu
Read more...
Srila Sanatana Gosvami
Image
Read more...
Srila Rupa Gosvami
Image
Read more...
Sri Raghunatha Gosvami
Srila Ragunatha dasa gosvami
Read more...
Srila Jiva Gosvami
Image
Read more...
Sri Krsnadas Kaviraja Gosvami
Srila Krsna Dasa Kaviraja
Read more...
Sri Narotama, Srinivas, Syamananda
Srila Narotam dasa Thakur
Read more...
Sri Vishvanatha Cakravati Thakur
Sri Vishvanatha
©Syamarani dasi
Read more...
Sri Baladeva Vidyabhusana
Srila Baladeva Vidyabhusana
Read more...
Sri Jagannatha das Babaji
Srila Jagganatha dasa babaji
Read more...
Srila Bhaktivinode Thakur
Image
Read more...
Srila Gaurakisora Dasa Babaji Maharaja
Image
Read more...
Srila Bhaktisiddhanta Sarasvati Thakura Prabhupada
Srila Bhaktisiddhanta Saraswati Prabhupada
Read more...
Srila Bhakti Prajnana Kesava Gosvami
Image
Read more...
Srila A.C. Bhaktivedanta Swami Prabhupada
Image
Read more...
Srila Bhaktivedanta Vaman Gosvami
Image
Read more...
Srila Bhaktivedanta Narayana Gosvami Maharaja
Image
Read more...

Bhakti Yoga Teachers

The Bhakti Yoga practitioners, listed by ashram, age, and initiation date, are speakers on Bhakti Yoga world wide. The schedules and locations of those that travel can be seen by clicking on their photos.

Image
Sripad BV Ashram Maharaj
Read more...
Image
Sripad BV Avadhuta Maharaja
Read more...
BV Bhagavat Maharja
Sripad BV Bhagavat Maharaja
Read more...
Image
Sripad BV Bhagavat Maharaja
Read more...
Image
Sripad BV Damodara Maharaja
Read more...
Sripad BV Dandi Maharaja
Sripad BV Dandi Maharaja
Read more...
Sripad BV Giri Maharaja
Sripad BV Giri Maharaja
Read more...
Sripad BV Madhava Maharaja
Sripad BV Madhava Maharaja
Read more...
Sripad BV Muni Maharaja
Sripad BV Muni Maharaja
Read more...
Sripad BV Nemi Maharaja
Sripad BV Nemi Maharaja
Read more...
Sripad BV Padmanabha Maharaja
Sripad BV Padmanabha Maharaja
Read more...
Image
Sripad BV Sadhu Maharaja
Read more...
Sripad BV Sagar Maharaja
Sripad BV Sagar Maharaja
Read more...
Sripad BV Sajjana Maharaja
Sripad BV Sajjana Maharaja
Read more...
Sripad BV Suddhadvaiti Maharaja
Sripad BV Suddhadvaiti Maharaja
Read more...
Sripad BV Srauti Maharja
Sripad BV Srauti Maharja
Read more...
Sripad BV Tirtha Maharaja
Sripad BV Tirtha Maharaja
Read more...
Sripad BV Tridandi Maharaja
Sripad BV Tridandi Maharaja
Read more...
Sripad BV Vana Maharaja
Sripad BV Vana Maharaja
Read more...
Sripad BV Vaikhanas Maharaja
Sripad BV Vaikhanas Maharaja
Read more...
Sripad BV Vaisnava Maharaja
Sripad BV Vaisnava Maharaja
Read more...
Sripad BV Vishnu Daivata Maharaja
Sripad BV Vishnu Daivata Maharaja
Read more...
Image
Sripad BV Vishnu Maharaja
Read more...
Srimati Syamarani devi dasi
Srimati Syamarani devi dasi
Read more...
Sripad Rasananda dasa
Sripad Rasananda dasa
Read more...
Sriman Ramachandra dasa
Sriman Ramachandra dasa
Read more...
Sriman Jagan Mohan dasa
Sriman Jagan Mohan dasa
Read more...
Sriman Mukunda dasa
Sriman Mukunda dasa
Read more...
Sriman Prem Prayojan dasa
Sriman Prem Prayojan dasa
Read more...
Sriman Kishorimohan dasa
Sriman Kishorimohan dasa
Read more...
Srimati Sudevi didi
Srimati Sudevi didi
Read more...
Srimati Caru Chandrika dasi
Srimati Caru Chandrika dasi
Read more...

HARI KATHA


Bhakti Love A Yoga do Amor

Interview with Srila Bhaktivedanta Narayana Gosvami Maharaja

Srila Bhaktivedanta Narayana Maharaja

Interview by a Reporter
Perth, Australia: December 23, 1998
[Respected Readers, Please accept our humble obeisances. We pray that those of you who are new to Krsna consciousness, and also those of you who are already experienced practitioners, will find inspiration from the following interview with Srila Bhaktivedanta Narayana Gosvami Maharaja. (You can also see the video of this interview by clicking on the link at the bottom of the lecture).
Your servants, the Harikatha team]
Mantra Meditation
Japa Mala
Life of Sri Chaitanya Mahaprabhu
Life of Sri Caitanya Mahaprabhu
©Bhaktivedanta Book Trust
God, Love and Reincarnation
Image
The Search for Happiness
Search for Happiness
Message for Planet Earth
Message for Troubled Planet
How to Find a Sadhu?
Sadhu
Search For Truth
Search for Truth
Sri Krishna As Guru
Sri Krishna as Guru
© Syamarani dasi
Only by Guru's Grace
Only by Guru's Grace
©Bhaktivedanta Book Trust
Selected Nectarean Advice
Nectar

Galeria de Fotos de Srila Gurudeva


Srila Bhaktivedanta Narayana Gosvami Maharaja
Srila Gurudeva
Srila Bhaktivedanta Narayana Gosvami Maharaja
Srila Gurudeva
Srila Bhaktivedanta Narayana Gosvami Maharaja
Srila Gurudeva
Srila Bhaktivedanta Narayana Gosvami Maharaja
Srila Gurudeva
Srila Bhaktivedanta Narayana Gosvami Maharaja
Srila Gurudeva
Parikrama
Parikrama
Parikrama
Parikrama
Parikrama
Parikrama
Parikrama
Parikrama
Parikrama
Parikrama
Parikrama
Parikrama
People
People
People
People
Transcendental Art
Transcendental Art
Transcendental Art
Transcendental Art
Transcendental Art
Transcendental Art

Dandavats e Pranamas ! Sejam Todos Bem Vindos ....

Om Namo Bhagavate Vasudevaya

Om Namo Bhagavate Vasudevaya

Om Namo Bhagavate Vasudevaya

हरे कृष्णा हरे कृष्णा = hare krsna hare krsna
कृष्णा कृष्णा हरे हरे = krsna krsna hare hare
हरे राम हरे राम = hare rama hare rama
राम राम हरे हरे = rama rama hare hare